Hipocrisia social criando monstros!


Estando parado no centro de um bairro da periferia, observava como movimento havia aumentado, já estava difícil conseguir atravessar a rua ou achar vaga para estacionar, talvez porque um terreno publico na  avenida principal do bairro  havia sido invadido, por moradores vindos de outras regiões distantes da capital, que logo construíram casas e muitos comércios onde seus carros ocupam todas as vagas do centro do bairro. Muito provavelmente   tal invasão tenha sido  orientado e coordenados por funcionários da prefeitura e ou políticos caça votos!
Interessante como pessoas que se dizem necessitar da caridade publica possuem comercio,carro Corolla e garagem com portão automático!
O governo alem de dar o terreno publico a essas pessoas ainda as torna isentas de contribuir com o IPTU!
Mas por que um governo que deveria estar governando para a maioria, concede privilégios a uma minoria? Porque que terrenos públicos em que deveriam estar sendo usados para o bem da maioria servindo a com hospitais, creches , escolas, delegacias, são destinadas a beneficiar apenas a uma minoria privilegiada?
Mas ainda estando ali a observar o grande movimento vi uma camionete contornar a rotatória cantando pneu, logo a frente uma roda de pessoas curtindo  alto som de um carro, diante de um “vai e vem” de pessoas, pensei onde será que vai parar essa terra de ninguém?  Onde o excesso concentrado de gente , torna as pessoas cada vez mais competitivas do tipo: “Não pare para pensar porque se não vem outro e tomará o seu lugar!”
Este tipo de sociedade “livre” esta causando uma involução  humana, do tipo semelhante aos menos racionais que  instintivamente engolem o alimento o mais rápido possível com medo que venha outro animal  e tome o que lhe era seu por direito! Pois não é isto mesmo que animais fazem, tomam dos outros aquilo que eles desejam?
Conheço um adolescente de 17 anos que mal grado tenha recebidos dos seus pais toda devida educação intelectual moral e profissional , desde criancinha se recusa a querer trabalhar, estudar e agora prestes a entrar na idade adulta, desrespeita os pais, freqüenta bailes funks,  dorme nas ruas e em casas de más companhias,pergunto qual seria o apoio que um conselho tutelar poderia estar dando aos pais? Sendo otimista ao invés de mais um bandido ele poderá se transformar em mais um mendigo social daqueles que se recusam a trabalhar e se apegam nas tetas do governo, certamente ira ter filhos que igualmente tambem serão socorrido pelo sistema paternalista, claro todos vagabundos natos possuem sempre todos os pré-requisitos: 3 filhos,  renda inferior a um salário mínimo , não trabalham e dizem que fazem bicos.
Então receberá “bolsa família”, creche com três refeições diárias , uniforme completo transporte e leite em pó até o ensino fundamental 16 anos! E ainda quem sabe uma dicazinha que em tal lugar esta havendo mais uma invasão de terrenos!
Ou seja enquanto jovens estão saindo de madrugada para irem trabalhar duro, depois indo estudar noturnamente voltando para suas casa meia noite, pra terem um vida digna e poderem contribuir socialmente, estes vagabundos natos levantam as 10:00hs  vão para o campo jogar bola, ficam usando drogas em rodas de esquinas e quando vão pára escola publicas são agraciados com livros novos e de boa qualidade almoço e janta, ainda passe escolar totalmente gratuito para ficarem passeando dia e noite e  finais de semana, tudo isso sem precisar estudar pois sabem que o sistema vigente não “reprova ninguém!”, por isso mesmo para esses mal educados não existe respeito!
Quando não estudam ficam o dia todo vagabundando nas ruas, usando droga, jogando bola e a noite vão descansar assistindo a novela da 20:00hs .
Então ao envelhecerem se transformam em mendigos sociais, vem o governo e obriga aqueles que trabalham duro e estudam desde criancinhas a sustentarem com impostos estes monte de  vagabundos oportunistas natos!
Então em nome de um vigente  hipocrisia social é que estão sendo criados e alimentados monstros sociais, quando vagabundos natos   foram apenas acostumados sugarem o sistema social que obriga os trabalhadores a sustentá-los ! Quando marginais tornam se predadores sociais, do tipo “eu quero eu tomo, doa a quem doer” e normalmente sempre acaba  doendo mais para suas vitimas!
A linha paternalista prega o falso moralismo de que a sociedade é responsável  pela desigualdade social e por conseqüência a violência auto gerada, óbvio que somos responsáveis por participarmos de uma sociedade tão irresponsável que obriga trabalhadores a sustentar vagabundos e pior quando se tornam predadores sociais, cheios de direitos e de poucos ou quase inexistentes deveres.
Certamente somos responsáveis pelos “lixos gerados”,mas nosso dever é dar a eles o devido tratamento,que  seja a quase impossível reciclagem, desinfectação enterro sanitário ou simples incinerização, mas o fato é que não podemos continuar sendo prejudicados e  atacados por este tipo de lixo nocivo ao bem comum!
Quando um bandido comete um latrocínio, alem da família da vitima sofrer perdas morais e financeiras irreparáveis pelo estado o mesmo ainda condena toda a família juntamente com toda sociedade (menos outros vagabundos)a continuarem sustentando seus algozes na cadeia, fazendo sexo com visitas intimas gerando mais vagabundos e potencias “clientes”do bolsa família, com todo os direitos ao assistencialismo governamental e mesmo   assim ainda que cumprindo pena  se acham no poder de continuar cagando na cara da justiça, praticando crimes, consumindo drogas, dando golpes e gerenciando trafico via celular, ameaçando agentes penitenciários, fazendo rebeliões,  e matando dentro dos presídios !
Oras se este lixo recusa-se a trabalhar afirmando que ira continuar praticando crimes: 

Se este lixo não pode ser reciclado, então deve ser incinerado ou devidamente enterrado, porque mantermos um política de falso moralismo masoquista? Oportunidade deve ser dada para quem corre atrás do trabalho digno ,  para quem  se recusa a ser útil deverá ser transformado em adubo assim pelo menos uma vez ,poderá contribuir com algo útil a sociedade que o produziu , é justo!

Os paternalistas defensores do coitadísmo que argumentam :

-injustiça social

-Desigualdade

-Falta de oportunidades

-Responsabilidade social gerando irresponsáveis pessoais

-o meio desfavorável ao ser  honesto

 

Vocês são advogados do diabo cúmplices dos autos marginalizados, dos vagabundos natos, daqueles que não desejam trabalhar de forma alguma, nem seguir regras nem leis, vocês paternalistas e maternalistas  OFENDEM a grande maioria dos trabalhadores pobres que habitam as favelas, acordam cedo trabalham duro e ainda são obrigados por pessoas que pensam como vocês a pagarem impostos para manter uma minoria de  vagabundos dentro e fora dos presídios.

Existe maior injustiça do que querer punir a vitima a ter que indenizar seus carrascos?

Fico estarrecido ao ver pseudo-s socialistas apresentando como possíveis soluções a crise dos presidiários, a soltura de réus primários, dos que aguardam por julgamento, para receptadores e traficantes de pequena monta deverão ser soltos como se fossem pequenos usuários.

A cracolandias em SP já esta dominada pelo  crime organizado, já estão vendendo direto da fonte, montaram um a boca de fumo “legalizada”, onde vagabundos que passam o dia todo se drogando e roubando na região são considerados pelos paternalistas como os pisico dependentes  ….hahahahhahhahhhahhahaha…vagabundo marginais,ladrões e  infratores penais agora são dependentes das suas vitimas que  são roubados,seqüestrados, estuprados e latrocinados por eles, alem de sofrermos tais punições ainda somos condenados a ter que trabalhar e pagar impostos para sustentar estes vagabundos por opção!

Junta toda esta leva de vagabundos parasitas sociais, senta a borracha sem dó por estarem desrespeitando leis, prenda e  deixa passando a pão e água durante um ano limpo de drogas, depois avisa que na residência serão 2, 4, 8 anos, já que somos forçados a ter que continuar   sustentando vagabundos, que pelo  menos eles estejam impossibilitados de estarem cometendo crimes livremente!

Tambem fico indignado quando policiais arriscam suas vidas trocando tiros com esses vagabundos que atacam a sociedade, quando ocorre uma vitima , vão fazer um estudo para determinar se o tiro partiu da arma dos policiais ou dos bandidos? Querem responsabilizar, punir o policial que esta  defendendo a sociedade dos causadores dessas aberrações, os bandidos que saem de casa armados contra a sociedade, que matam pais na frentes dos filhos, que estupram , seqüestram, que enfiam a mão nos bolsos das vitimas que ainda agonizam no chão a estes predadores caberá toda responsabilidade causada pelos desrespeito as leis.

 

 

A repórter Fabiola  aparenta ser nesta entrevista ao prefeito Dória uma seguidora da linha maternalista que prega um falso moralismo “dos muitos direitos e poucos deveres”, será que ela permitiria o desenvolvimento da cultura popular cedendo as propriedades dela para serem pichadas?

Ela inicia acusando o Doria de ter decretado uma guerra contra os pichadores, ao deixar bem claro e a intenção é proteger a  cidade de ações criminosas ela sem educação tenta  interromper o prefeito.

Ao questionar a competência do prefeito em poder julgar o que e´arte e o que é pichação, ela ataca distorcendo, invertendo valores típico dos que optam por defenderem infratores, acusando o prefeito de estar considerando todos como se fossem bandidos!

Fabila: “O Sr. não vai dialogar com os pichadores, é uma arte urbana?”

Dória: “com bandido não tem dialogo, voce vai querer dialogar com contraventores?”

Hihihihihihihihiihihihi…pau nos vagabundos e nos seus defensores hipocritas!

Foi ai que a outra repórter quis chamar a atenção do prefeito quanto a prioridade dois assuntos quer estavam sendo discutidos?

Doria: “pichação não é o mais importante voce que estão (mal)questionando este assunto!

Em São Paulo a prefeitura anterior do PT sustentada pelo assistencialismo eleitoreiro, fornecia transporte com vans contratadas ao um alto custo, leite em pó, varias refeições, uniforme completo inverno verão com calçados de boa qualidade, tudo isso sem se importar com o principal objetivo da escola, educação formação intelectual e principalmente moral, essa vedada pelo ECA que prega os “muitos direitos e poucos deveres” formando marginais muito bem alimentados!

Fornecer leite em pó para criança de 16 anos cursando o ensino fundamental? Há….ha…ha…ha…ha…ha… só se forem para eles darem aos filhos deles……ha…ha…ha…ha…ha… porque com essa idade a maioria já anda, roubando, usando drogas, traficando e  empinando moto roubadas e claro transando e gerando mais dependentes para o bolsa família, leve leite , escola com refeições gratis! A final o que não

falta são trabalhadores dando duro pagando muito imposto para sustentar essa leva de vagabundos!

Agora é só esperar pelos paternalistas que desejam serem os mais  “bonzinhos” virem defender bandidos dizendo que eles são vitimas e não carrascos sociais!

 

Anúncios

11 comentários em “Hipocrisia social criando monstros!”

  1. A mensagem do Cristo é para o indivíduo e não para as multidões. A sociedade cria os problemas e começa a reclamar dos sintomas causados por suas próprias decisões adotadas anteriormente. No meu ponto de vista, eu faria como no Uruguai: liberaria a venda das drogas e avisaria que consumir drogas tem consequências nefastas para a sociedade e para os indivíduos. Diria, também, que o estado respeita a integridade do cidadão e se este quer seguir o Diabo só poderá lamentar.

    Curtir

  2. O melhor exemplo de liberação de tóxicos é Portugal e não o Uruguai. Na verdade o que fazem é uma liberação para o consumidor da droga e não para o vendedor. Recomendo não fazer nenhuma mudança abrupta de um sistema em outro. Melhor seria estudar o processo em pequenas comunidades e não a fazer experiências com multidões. Gostaria de participar de uma pequena sociedade piloto ou cobaia ou experimental em que o respeito à integridade de cada um fosse a regra.

    Curtir

  3. liberação de drogas como LCD, crack, cocaina para mim sera a consumação da decadência humana, vai baratear e aumentar o consumo, quanto mais liberdade maior será tambem a libertinagem ja pensou piloto de avião , motoristas de ônibus, de trem tudo doidão? e os médicos ?
    muita gente abandonaria seus empregos para ficarem apenas curtindo drogas!
    Acho que o Sr. esta a confundir integridade com autonomia, se todo mundo tivesse entraríamos em um desgoverno, cada um caminhando em direções diferentes, tipo anarquia?
    somos seres naturalmente interdependentes!

    Curtir

    1. Não existe qualidade em nada que precise ser imposto por decreto. Pessoas com pensamento de qualidade não se tornarão desqualificadas com a liberação de uso de drogas. Nem os desqualificados se tornarão qualificados por imposição.

      Curtir

  4. Muito bonito seu pensamento teórico seu Pingolino,mas o que põe direção e algum sentido na vida é justamente a imposição natural do estomago, sim nossa natureza animal é arbitraria “trabalhe ou morra de fome”Quer ter qualidade de vida então trabalhe.
    Se o imposto não fosse arbitrário quais seriam os contribuinte voluntários? haveria uma ordem nisto?as doações seriam compatíveis com arrecadação imposta?
    Veja la na cracolândia de SP o resultado do programa social do ex prefeito Hadard convidando viciados@ladrões e traficantes a tornarem-se uteis.
    Tais atividades são consideradas contravenções penais e como disse o novo prefeito joão Dória “voce vai ficar dialogando com bandidos?”
    creio que ações arbitrarias possuam o poder de impor uma ordem mais desejável ao bem comum social, do tipo prende todo mundo os deixe passar a pão e agua e trabalho forçado por um ano livre de drogas, sim para eles será o inferno redentor.
    Deixe que eles saibam que após um ano se voltarem a reincidir a pena dobrará consecutivamente.
    ou então continue permitindo que muitos menores continuem em rodas de nóias espalhadas por todos os cantos, quem sabe um dia eles pensem em ir trabalhar ao invés de ficarem roubando facil para manterem seus vícios e consumismo tipico de parasitas!
    Em uma sociedade ha de se ter um governo determinando a ordem, ou teremos instalada uma anarquia!

    Curtir

    1. Mais carniça de arder o nariz. Mais do mesmo, sua resiliência em distorcer e relativizar conceitos diferentes ao seu bel prazer não acrescentam nada.

      Curtir

    2. Muito desgastante ficar lendo sempre a mesma coisa de um cara que não reflete nem muda seu discurso.

      Curtir

    1. Desisto fio, não adianta considerar nada, você sempre vai socar um quadrado no lugar do cilindro.

      Curtir

  5. Ta me confundindo com o pica-pau ?
    Desiste do que se ainda nem começou, apresentar algo mais profundamente? Da impressão que é vazio tentando aparentar muita coisa!é isso que chamo de criticas vazias!
    formas são coisas imaginadas vindas das limitações dos sentidos!
    quem não consegue sair da zona do conforto aprendido nunca conseguirá evoluir, a não ser que seja empurrada acidentalmente!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s